IPEN-USP e SIEMACO-SP abrem negociação para instalação de sala de aula destinada à Educação de Jovens e Adultos (EJA)

postado em: Notícias | 0

O Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares da Universidade de São Paulo (IPEN-USP) e a Central de Cursos do SIEMACO São Paulo estão unindo forças para futuramente abrir uma sala de aula especialmente destinada ao programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA) para trabalhadores do Asseio e Conservação que prestam serviços no local.

 

Para tanto, aconteceu nessa terça-feira (1º de fevereiro) uma reunião com o diretor e o coordenador do IPEN, respectivamente Celso Gimenes e Gilberto Magalha, e os professores Debora Souza e William Santos, da Central de Cursos. O objetivo do encontro é a implementação do programa de Educação Continuada, que possibilitará a certificação dos trabalhadores e trabalhadoras da categoria nas modalidades de Ensino Fundamental I, II e Ensino Médio. 

 

A reunião foi intermediada pelos assessores Sidnei Santana e Henrique Guimarães, da equipe do diretor Fabio Cruz.

 

Para a professora Debora Souza é de extrema importância atender os trabalhadores da categoria que prestam serviço no IPEN, visto que a educação é um fator importante no crescimento pessoal e profissional das pessoas.

 

Para o professor William Santos, a implantação da sala de aula no IPEN é um passo importante no projeto, principalmente porque a instituição tem dado todo apoio para sua realização.

 

William Santos, Gilberto Magalho, Celso Gimenes, Debora Souza e Henrique Guimarães

 

 

A parceria tem um aspecto social de alta relevância, pois busca oferecer uma oportunidade para aqueles que não tiveram a chance de estudar regularmente durante a infância e adolescência, pelos mais diversos motivos, mas agora podem concluir essa importante etapa da vida.

 

As salas de aula já implementadas em outros núcleos oferecem vantagens significativas para os trabalhadores e trabalhadoras. Além de proporcionar uma formação educacional de qualidade, também oferecem oportunidade de alfabetização para aqueles que precisam aprender a ler e escrever. Isso significa que eles podem desenvolver novas habilidades, ampliar sua visão de mundo e aumentar suas chances de conseguir empregos e salários melhores no futuro.

 

* Pelos jornalistas Alexandre de Paulo (MTB 53.112/SP) e Fábio Busian (MTB 81.800/SP)

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

vinte − 9 =